Em visita à Bacia Carbonífera de SC, Inácio Melo destaca importância do trabalho do SGB para melhorar a qualidade de vida na região

10/06/2024

O diretor-presidente do Serviço Geológico do Brasil visitou, nesta segunda-feira (10), áreas do projeto na região sul-catarinense


 

Criciúma (SC) – O trabalho do Serviço Geológico do Brasil (SGB) para recuperação das áreas degradadas na Bacia Carbonífera de Santa Catarina é de extrema importância para melhorar a qualidade de vida da população e impulsionar o desenvolvimento sustentável. É o que destacou o diretor-presidente do SGB, Inácio Melo, nesta segunda-feira (10), durante visita à região.

“Esse trabalho mostra como aplicamos o conhecimento geocientífico para melhorar o meio ambiente e a qualidade de vida das pessoas. Temos um longo cronograma de atividades e seguiremos empenhando esforços para garantir que esse projeto avance cada vez mais”, ressaltou Melo. A visita ocorreu durante agenda ao Núcleo de Apoio de Criciúma (NUMA), como parte das ações para fortalecer os vínculos com as unidades e colaboradores da empresa.
O chefe do NUMA, Guilherme Troian, destacou que foi uma oportunidade de apresentar ao diretor-presidente os passivos ambientais que estão sob responsabilidade da União e, ao mesmo tempo, ampliar diálogos institucionais. “Essa é uma iniciativa muito importante para estreitar as relações da diretoria com as unidades regionais, favorecendo a melhoria nos processos e o melhor andamento das ações desenvolvidas”. 


Para o coordenador-executivo do Departamento de Gestão Territorial, Geovani Costa, a visita foi importante para que o diretor-presidente conhecesse as ações e as demandas do Núcleo de Criciúma. “Tivemos conversas produtivas sobre o trabalho que realizamos e as necessidades que temos. Queremos fortalecer nossa atuação para entregar resultados cada vez melhores para a sociedade”, disse.


Desde 2008 o SGB foi designado para as ações de recuperação das áreas degradadas pela mineração de carvão, resultado das atividades de empresas falidas ou insolventes e as que tiveram as atividades encerradas antes de 1972. A atuação tem sido reconhecida por executar, de forma imparcial, as melhores práticas de recuperação das áreas degradadas, sempre buscando o melhor custo-benefício nas atividades.
 

Núcleo de Comunicação
Serviço Geológico do Brasil
Ministério de Minas e Energia
Governo Federal
imprensa@sgb.gov.br

Outras Notícias

Vale do Silício: pesquisas brasileiras que impulsionam transição energética se destacam em evento na Califórnia

O diretor-presidente do Serviço Geológico do Brasil participou, nesta quinta-feira (13), do Simpósio Mineral-X promovido pela Universidade de Stanford

13/06/2024

Novo sistema disponibiliza dados de monitoramento por satélites de rios da Amazônia e Pantanal

Tecnologia fundamental para acompanhar a situação, especialmente em áreas mais remotas, contribui para gestão de recursos hídricos e auxilia na previsão de eventos como enchentes e estiagens

13/06/2024

Manaus (AM) recebe mapa que indica áreas afetadas na ocorrência de cota de inundação severa

Associado ao Sistema de Alerta Hidrológico da Bacia do Rio Amazonas, o estudo Mancha de Inundação apoia ações voltadas para prevenção de desastres

13/06/2024